Com o calor os insetos se tornam mais frequentes, e as picadas também.

Mas você sabe reconhecer as marcas deixadas pelos insetos?

Foi um mosquito? Uma pulga?

Ou será que não foi um inseto?

Cada inseto nos deixa uma marca específica e é sobre isso que nós vamos falar hoje!

Normalmente o sintoma mais visível do contato com insetos é uma pequena bolinha vermelha, além de coceira.

Em alguns outros casos há dor também.

E por isso, listamos os mais comuns!

Pernilongo

insetos

A mordida de pernilongo é a mais comum nos períodos quentes.

Em algumas pessoas fica um ponto branco em um círculo vermelho e elevado ao redor.

Já em outras a pele fica toda vermelha como uma reação alérgica.

E é realmente isso que acontece, uma reação alérgica!

Isso porque a coceira é uma defesa do nosso organismo contra a picada do pernilongo.

Já que quando um pernilongo nos morde, um pouco de sua saliva, contendo anestésicos, anticoagulantes e outras substâncias, é injetada em nossa pele.

Assim, imediatamente nosso sistema imunológico entra em ação e células “sentinelas” chamadas mastócitos liberam histamina e outros agentes de defesa para combater a invasão.

A histamina eleva a circulação de sangue no local, e é por isso que a pele vermelha e inchada.

E é também por causa da histamina que coça.

Além disso, a presença de células protetoras no local também aumenta.

Não requer cuidados especiais, mas existem cremes específicos para aliviar a coceira, quando necessário.

Em poucos dias desaparece.

Pulga

insetos

A mordida de pulga também ocasiona uma bolinha vermelha.

Mas normalmente aparecem em grande quantidade.

E todas na mesma região, como as pernas por exemplo.

Por isso são facilmente confundidas com alergias na pele.

A mordida de pulga costuma deixar a área bem dolorida e a pele ao redor bem irritada.

Além de provocar bastante coceira.

Principalmente em pessoas alérgicas à saliva da pulga.

Em casos de lesões cutâneas, também pode ocorrer febre e anemia.

Além disso, as pulgas, se infectadas por outro microrganismos, podem transmitir doenças bacterianas e parasitárias.

Como por exemplo, o tifo endêmico ou também chamado de murino.

Por isso é importante lavar a região lesionada com água.

Os tratamentos variam de caso para caso.

Em reações alérgicas, é aconselhável o uso de medicamentos anti-histamínicos.

Já para situações de infecção bacteriana, o correto é tomar antibióticos.

E claro, a pulga deve ser combatida para evitar novas mordidas.

Percevejo de cama ou de colchão

insetos

O percevejo de cama, como o próprio nome diz, se abriga em camas e frestas de móveis.

São insetos pequenos, que se reproduzem rápido, e migram de um local a outro facilmente pela roupa ou bagagem.

Mordem normalmente em braços e pernas.

E o local mordido fica vermelho com uma pequena bolha.

Pode também formar “linhas” de duas ou três marcas.

Costumam ocasionar dor, inchaço, vermelhidão e até pus, em casos mais graves.

A coc